Arquivo

Clube: Sociedade Esportiva de Picos

Rafael marcou dois contra 4 de Julho. (F. Israel Araujo)

Rafael marcou dois contra 4 de Julho. (F. Israel Araujo)

(Com dois gols na partida, Rafael Freitas manda para as redes coloradas, e promete briga acirrada na artilharia do campeonato piauiense)

Por Renneé Fontenele

Parnaíba (PI). A Sociedade Esportiva de Picos fez sua estreia em casa nesta noite de sábado (2). Jogando com o apoio de sua fiel torcida, a equipe auriverde do Sul piauiense bateu a forte equipe de Piripiri. Os gols, porém, saíram apenas na segunda etapa do confronto.

Depois da ‘festa’ realizada por Rodolfo Potiguar dentro da área colorada, Rafael Freitas, aos 2 minutos da segunda etapa, bate cruzado para abrir o placar no Gigante da Malva: 1 a 0 SEP. Delírio auriverde no estádio Helvídio Nunes.

Aos 26, o Zangão faz o segundo gol com Rafael Freitas, novamente, depois de Frota roubar bola da defensiva colorada, ampliando o placar no Gigante da Malva: 2 a 0 SEP.

A equipe do 4 de Julho ainda descontou, mas Leonardo Marques, árbitro da partida, marcou impedimento do ataque colorado. Final de jogo e vitória auriverde, com bela atuação de Rodolfo Potiguar e Rafael Freitas, no ataque da equipe.

A Sociedade Esportiva de Picos soma seus primeiros três pontos e terá seu terceiro compromisso dia 7, contra o Leão do Marataoan, no Jucão.

Cícero Monteiro, novo treinador da Sociedade Esportiva de Picos. (Foto: pe360graus.globo.com)

(Paulo Lauriano, presidente da SEP, promete aos torcedores uma equipe que volte a conquistar títulos!)

Parnaíba, PI

Por Renneé Fontenele

Já era de se esperar. Cogitado anteriormente, agora confirmado, o pernambucano Cícero Monteiro assumirá o elenco da Sociedade Esportiva de Picos para o ano vindouro. É a segunda passagem do treinador pelo auriverde de Picos, trabalhando no Gigante da Malva: em 2009, Cícero comandava a Sociedade Esportiva de Picos, e realizou um grande campeonato, na ocasião.

Depois de atuar no Salgueiro Atlético Clube, Cícero retorna ao futebol piauiense com o propósito de “soerguer” o Zangão, fazendo com que a equipe volte a disputar títulos. A apresentação do treinador está marcada para o dia 15 de dezembro, de modo que, posteriormente, a equipe inicie seus treinamentos, visando o campeonato estadual de 2013 que iniciará ao final de janeiro.

(Desde 2010, clube picoense disputa os campeonatos enfrentando vários problemas!)

Quatro vezes campeã piauiense de futebol profissional, a Sociedade Esportiva de Picos terminará o ano corrente sem nenhuma perspectiva para o ano seguinte. Clube de grande e apaixonada torcida, o Zangão do Piauí, como é carinhosamente conhecido, ainda lida com problemas que parecem intermináveis.

Ao certo, não se sabe do início dos problemas auriverdes, mas são problemas de várias ordens, envolvendo o repasse da Prefeitura, patrocinadores, ações trabalhistas, confisco das rendas, acordos com hotéis, etc.

Nesta temporada, a equipe auriverde não pode fazer um elenco competitivo, capaz de conquistar o campeonato ou mesmo chegar às semifinais do estadual, situação que, ao passar dos anos, vem decrescendo bastante: em 2010, por exemplo, a equipe terminou a competição em 3º lugar, após 7 vitórias, 5 empates e 6 derrotas; em 2011, o Zangão caiu de produção, terminando em 5º lugar, depois de 5 vitórias, 6 empates e 5 derrotas. Neste ano de 2012, o auriverde picoense caiu ainda mais, ficando em penúltimo lugar (7º) na tabela, com apenas 4 vitórias, 1 empate e 9 derrotas.

Pelos números, observa-se que a cada ano a produção auriverde é muito menor, e uma expectativa negativa cerca o torcedor da SEP, já algum tempo sem conquistar um título. Não há, no momento, solução pronta, de modo a resolver todos os impasses que atormentam a Sociedade Esportiva de Picos, mas haja, talvez, condição de iniciar a resolução que dará novos rumos ao Zagão do Piauí.

Parnaíba – PI

Renneé Fontenele

(Leão do Norte termina campeonato sem vencer!)

A última rodada do campeonato piauiense de futebol de 2012 teve seu início ontem, dia 16, com uma partida, e terá seu desfecho hoje, com mais três jogos.

Jogando no estádio Deusdeth de Melo, na tarde de ontem, Sociedade Esportiva de Picos e Caiçara deram início aos últimos jogos pela fase inicial do certame. Mesmo jogando em casa, a equipe alvirrubra de Campo Maior não conseguiu um resultado positivo, terminando sua participação sem vencer nenhum confronto.

O Leão do Norte abriu o placar com Sadan, aos 6 minutos de jogo. A Sociedade Esportiva de Picos empatava com Felipe, aos 33. Na segunda etapa, a Sociedade Esportiva de Picos vira o marcador, com Marcelo aos 9, e, aos 12 minutos, Franzé fecha a contagem para o auriverde picoense: 3 a 1 Zangão! As duas equipes, contudo, sem nenhuma chance de classificação.

A exemplo de SEP e Caiçara, em Teresina, jogarão mais dois eliminados: River e Piauí, no Lindolfo Monteiro. Mesmo sem possibilidades de classificação, o Piauí de Marcão, diferente do River de Aníbal, poderá conquistar o returno, ficando com o troféu simbólico Taça Cidade de Teresina.

A outra partida, em Campo Maior, diz respeito diretamente aos quatro clubes classificados para a semifinal do campeonato. Flamengo e Comercial farão jogão no Deusdeth de Melo, e estão brigando pela ordem de classificação. Do mesmo modo, em Piripiri, na Arena Colorada, entre Parnahyba e 4 de Julho, no maior clássico do interior.

Portanto, os jogos de hoje, definirão a ordem de classificação do campeonato piauiense de futebol 2012.

Parnaíba – PI

Por Renneé C Fontenele

(Vitória tricolor garante expectativa de classificação!)

Em noite de muita expectativa, pela décima segunda rodada do campeonato piauiense de futebol deste ano, Sociedade Esportiva de Picos e River iniciaram a rodada com um disputado confronto, realizado no estádio Helvídio Nunes, em Picos.

Com 89 torcedores pagantes, gerando renda de 890,00 reais, a equipe do River chegou à cidade de Picos necessitando de uma vitória, e conseguiu. Após um primeiro tempo morno, ficando o placar sem alteração, aos 6 minutos da segunda etapa Fábio Augusto abre o marcador no Gigante da Malva, recebendo da esquerda: 1 a 0 Galo!

O segundo gol riverino aconteceria aos 18 minutos, com o atacante Crislan, ampliando para o Galo: 2 a 0.

A partida parecia sob controle tricolor, mas a Sociedade Esportiva de Picos reagiu, descontando com Cristiano Jesus, após rebote do goleiro Carlos Henrique, aos 44. Mas não havia mais tempo, ficando 2 a 1 River!

Com a vitória, o River se aproxima do G4, agora com 16 pontos na tabela de classificação. A Sociedade Esportiva de Picos, embora manifestando reação nas últimas partidas, dá adeus ao certame, sem condições de classificação.

A SEP receberá o Flamengo e o River o 4 de Julho, semana que vem.

Parnaíba – PI

Por Renneé Cardoso Fontenele

(Ainda com vários problemas judiciais, SEP pretende vencer River e continuar pensando na classificação!)

Em razão dos problemas acumulados desde algum tempo, a Sociedade Esportiva de Picos vem “pagando” como pode seus débitos. São dívidas trabalhistas desde 2009, agravadas em 2011, e prosseguindo em 2012.

Quarta-feira última, dia 6, no Gigante da Malva, quando a SEP derrotou o Comercial, a Justiça determinou o confisco da renda, prontamente realizado pelo Oficial de Justiça, por meio de um Mandado Judicial expedido pela Meritíssima Juíza Ginna Isabel Rodrigues Veras, da Vara do Trabalho da Comarca de Picos. Hoje, contra o River, não será diferente, fato que será repetido em partida contra o Flamengo.

O confisco diz respeito ao processo impetrado pelo ex-goleiro do clube, Henrique Silva, quando atuou em 2009. A dívida, segundo informações do Jornal de Picos, está em torno de 71. 826,44 (quase setenta e dois mil reais).

Com todos os problemas, porém, a equipe auriverde tenta sua classificação neste exato momento, enfrentando a equipe do River, mesmo sem o apoio de sua fanática torcida.

(Veja matéria de 2011: http://futebolpiauiense.wordpress.com/2011/06/15/sociedade-esportiva-de-picos-ainda-mais-em-crise/)

Parnaíba – PI

Por Renneé Cardoso Fontenele

(No Gigante da Malva, Sociedade Esportiva de Picos recebe River à noite em jogo muito importante para o desfecho da tabela!)

River e Sociedade Esportiva de Picos abrem neste sábado (9), no Gigante da Malva, a décima segunda rodada do estadual. O confronto será realizado às 20h, na cidade de Picos. Amanhã, dia 10, outras três partidas acontecerão: em Teresina, com Flamengo e 4 de Julho; Campo Maior, com Comercial e Piauí, e no litoral, com Parnahyba e Caiçara.

Hoje, quinto e sétimo colocado entrarão em campo com o mesmo objetivo: vencer e sonhar com a classificação. Para o River, a tarefa será difícil, mas não impossível. Já para o Zangão, a coisa fica mais complicada, beirando a impossibilidade de classificação, uma vez que o auriverde picoense só poderá, ao final das quatorze rodadas, chegar aos 19 pontos, enquanto que seu adversário, conseguindo as vitórias, somará 22 pontos.

Um empate poderá significar a queda do auriverde e, praticamente, a do Galo Carijó. Por isso, o empate não interessa a nenhum dos dois.

No domingo, em Campo Maior, no Deusdeth de Melo, às 15h45, o líder Comercial recebe o entusiasmado Piauí. O Bodão, após a derrota para a Sociedade Esportiva de Picos, necessita vencer, a fim de manter-se na liderança, resgatando, assim, o “espírito” positivo que envolvia a equipe até então. Já o Enxuga-Rato, na mesma situação do River, só a vitória poderá manter acesa a expectativa de classificação, já que, também, soma 13 pontos na tabela, podendo, se vencer os confrontos posteriores, chegar aos 22 pontos. Um jogo que promete muita emoção.

Em Parnahyba, o Tubarão terá a visita do Leão do Norte.

Parnahyba e Caiçara fazem o jogo dos “extremos”, uma vez que, para selar sua classificação, ao Parnahyba uma vitória simples cabe conquistar, enquanto que o Caiçara mesmo vencendo não sairá da lanterna, porque soma, até o momento, 3 pontos apenas. Com igual pontuação do Comercial, líder do certame, o Parnahyba, com 21 pontos, jogará com o apoio de sua grande torcida, no Piscinão, podendo garantir vaga para as semifinais, antecipadamente.

Fechando a rodada, o Flamengo, com 19 pontos, recebe o 4 de Julho, no Lindolfo Monteiro, às 17h. Ocupando a última posição do G4, o rubro-negro piauiense precisa de uma vitória, a fim de distanciar-se dos adversários que estão próximos ao G4, mantendo-se firme na tabela de classificação. O Colorado piripiriense, por sua vez, na terceira colocação com 20 pontos, vencendo o embate, estará automaticamente classificado, em virtude de não ser mais alcançado, chegando, com a vitória, aos 23 pontos.

Então, até aqui, o que se pode mencionar, com propriedade, é a constância dos clubes que compõem o G4, num equilíbrio bastante motivador, tanto para os clubes quanto para seus respectivos torcedores.

Parnaíba – PI

Por Renneé Cardoso Fontenele