TUBARÃO: MAIS LÍDER DO QUE NUNCA, BATE, MAIS UMA VEZ, A RAPOSA!

TUBARÃO: MAIS LÍDER DO QUE NUNCA, BATE, MAIS UMA VEZ, A RAPOSA!

Por Renneé Cardoso Fontenele

___30.04.2011

O calor que fazia na tarde do jogo parecia esquentar a partida entre Parnahyba e Flamengo. Mas, nos minutos iniciais, o jogo mostrava que nem o calor ajudava para que houvesse uma partida bastante movimentada.

O Estádio Mão Santa não estava lotado, porém cheio. Arquibancada com bom número de torcedores e a geral…a geral estava tomada. E o jogo? Sem muita movimentação, até que, numa bobeira da zaga Azulina, no primeiro tempo, o goleiro do Tubarão faz boa defesa e é atrapalhado por Jorginho, lateral direito parnahybano. O Flamengo fazia 1 a 0. Nada muito a acrescentar, até que veio o segundo tempo.

Modificado, o Tubarão partiu para cima de uma Raposa retraída, querendo segurar o resultado. Pois bem! Jorginho, o mesmo que, no primeiro tempo, atrapalharia o goleirão Beto, marcaria o empate, com um tiro certeiro de fora da área, na gaveta, como se diz. Explosão azul no Piscinão: 1 a 1. Daí em diante, só Parnahyba jogou e fez a magia do futebol acontecer, quando Da Silva, que não se apresentou bem na partida, também fizera como Jorginho: outro tiro certeiro, na gaveta, com maior violência, balançava as redes rubro-negras: 2 a 1 Tubarão, numa virada rápida.

Euforia tomou conta do Estádio Mão Santa, a torcida parecia enlouquecer, pedindo mais…mais um! Da Silva, se não tivesse em momento ruim, marcaria pelo menos um gol, das duas chances sobremodo claras.

O Flamengo, que não mostrava nenhum poder ofensivo, desequilibrava-se, cada vez mais. O Tubarão, contudo, não soube aproveitar a fragilidade rubro-negra, nem quando Idelvandro recebeu na entrada da área, driblando o zagueiro e, diante da meta, chutando para o horizonte!

A arbitragem até que deu uma “forcinha”, terminando a partida aos 54 minutos, sem mencionar aqui, claro, os impedimentos e faltas, envergonhando o Futebol Piauiense.

Não houve jeito: mantido o tabu, desde 2003 o Flamengo não vence o Parnahyba no Piscinão e, de quebra, o Tubarão continua invicto no Certame e mais líder do que nunca!

No próximo confronto, o Peixe do Litoral enfrentará o Leão, também no Piscinão. É esperar que, desta vez, o Estádio receba a massa azulina em sua totalidade.

Anúncios

One comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s