TUBARÃO GARANTE VAGA NA FINAL, ELIMINANDO 4 DE JULHO!

MESMO PERDENDO PENALIDADE, TUBARÃO FICA COM A VAGA!

(Com muita vontade em campo, Tubarão garante vaga da final do certame!)

Necessitando apenas empatar para garantir uma das duas vagas da final do campeonato piauiense de futebol desta temporada, o Tubarão entrou em campo buscando a vitória.

De maneira cadenciada, o clube azulino perdeu a primeira oportunidade clara de gol com Renatinho , na pequena área, pela esquerda do ataque azulino, batendo para a defesa de Robinho.

O primeiro tempo, contudo, não apresentou muita emoção, embora em campo estivessem Parnahyba e 4 de Julho, fazendo outro clássico pelo estadual.

A segunda etapa trouxe, entretanto, uma emoção mais “aguçada”, por assim dizer, sobretudo quando Paulo Moroni põe em campo o ala Jorginho, retirando Damisson, aos 23 minutos. Aos 30, William é substituído por Da Silva, que teria, minutos após, a oportunidade de voltar a marcar. Decorridos 39 minutos, quando Da Silva sofre penalidade máxima, ao passar por dois marcadores colorados e ser derrubado. Nielson, o árbitro da partida, de pronto marcou a infração. Da Silva, todavia, não converte a penalidade, batendo no canto direito de Robinho e a defesa do arqueiro colorado.

Moroni, treinador azulino, frisou que o clube ainda tem que procurar um equilíbrio, porque “o setor defensivo é muito bom, mas o ofensivo ainda está deixando a desejar”.

Com uma arbitragem indiscutível, o Tubarão conseguiu seu objetivo: a classificação para a final do estadual. Agora, o clube praiano espera por Flamengo ou Comercial, adversário que conhecerá na quinta-feira próxima. Lembrando que, se for o Flamengo, o Tubarão fará o segundo jogo em casa, mas, se for o Comercial, o segundo jogo da final será realizado fora.

Com 1.043 pagantes, gerando renda de 10.643,00, o Parnahyba classificou-se jogando com Rodrigues; Erivaldo, Gilmar Baiano e Alessandro; Damisson (Jorginho), Luciano, Totonho (Pio), William (Da Silva) e Cleiton Cearense; Renatinho e Fabinho, sob comando do técnico Paulo Ricardo Moroni.

O 4 de Julho foi eliminado com Robinho; Wilsinho, Pedrosa, Paulo Maranhão e Dacha (Cláudio); Juninho, Binha, Pretinho (Manoelzinho) e Cleitinho (Joniel); Danúbio e França. Técnico: Danilo Augusto Aguiar (Danilo Baratinha).

Por Renneé C Fontenele/Assessoria de Imprensa do PSC

Anúncios

3 comments

  1. A penalidade máxima desperdiçada pelo Da Silva, que há muito vem devendo um bom desempenho, pode custar caro ao Parnahyba. A final do campeonato pode ocorrer em Teresina, basta o Flamengo ganhar do Comercial. Não é como está escrito na matéria.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s