EMPATE NA ESTREIA AZULINA PELA COPA PIAUÍ

(Num chute certeiro, Fabinho balança as redes do Enxuga-Rato!)

“Empate com sabor de derrota”! Foi assim que resumiu o confronto, o atacante Puchinha, após o apito final de Julio Cesar de Oliveira. A partida foi válida pela primeira rodada da Copa Piauí, hoje à tarde (5), no Piscinão quase vazio.

O embate foi cheio de emoções, obrigando os arqueiros a realizarem grandes defesas, sobretudo Ribamar, goleiro azulino, na etapa inicial. Praticando grandes intervenções, Ribamar foi vencido, porém, aos 18 minutos, por Fabiano, que abriu o placar no Municipal. No lance, Ribamar fizera duas defesas seguidas, até não defender o terceiro chute.

Com o placar adverso, a equipe passou a atacar de maneira mais intensa, chegando à defensiva adversária com Fabinho, após receber de Totonho, batendo forte na diagonal, encontrando Rodrigo, que prontamente defendera sua meta.

Aos 30, Moroni retira Gilmar Baiano, colocando Toni, dando maior poder ofensivo ao ataque. Oito minutos após, Fabinho entra na área e bate cruzado, sobre a meta de Rodrigo, numa oportunidade muito clara de gol. Os ataques foram criados, mas não transformados em gols: em três lances sequenciais, o ataque praiano por pouco não marcou.

No segundo tempo, entretanto, o embate seria outro. Fabinho, aos dois minutos, logo mostrou que marcaria, após cabecear para a defesa de Rodrigo. Aos 5, contudo, no rebote de Rodrigo, Fabinho, de prima, bate forte no canto esquerdo do arqueiro rubro-anil, empatando o confronto: 1 a 1 no marcador.

A equipe crescia, mas, aos 18, Eridon evita o que seria o segundo gol do Piauí, em jogada brilhante, desarmando a conclusão do atacante rubro-anil, já na área.

O ataque criou ainda mais três oportunidades de gol: duas com Fabinho e uma com Juninho, que substituiu Totonho. Sorin, também, entrou em campo, substituindo Nenzinho.

Mesmo sufocando o adversário no segundo tempo, o jogo terminou empatado, resultado considerado razoável pelo treinador azulino, em virtude do pouco ritmo de jogo da equipe.

Com o comando técnico de Paulo Moroni, o Tubarão jogou com Ribamar; Marcos Gasolina, Gilmar Baiano (Toni), Eridon e Nenzinho (Sorin); Alessandro, Totonho (Juninho), Luciano e William; Puchinha e Fabinho. A torcida azulina não compareceu em peso, apenas 216 pagantes, gerando renda de 2.620,00.

A próxima partida será em Piripiri, contra o 4 de Julho, dia 11, às 20h, na Arena Colorada, pela segunda rodada da competição.

Renneé C Fontenele/Assessoria de Imprensa do PSC

Anúncios

One comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s