Tubarão sub 17 vence terrão nas penalidades, após defesas de Ítalo

Ítalo, à esquerda, fecha o gol azulino na final.

Ítalo, à esquerda, fecha o gol azulino na final.

Depois de defender duas penalidades, Ítalo garante o título da 1ª Copa de Futebol Sub-17 para a equipe azulina)

Por Renneé Fontenele

Parnaíba, PI

Foi uma final muito acirrada, e não poderia ser diferente. Parnahyba sub 17 e Terrão fizeram a final da 1ª Copa de Futebol Sub-17, coordenada por Jucélio Lira. A decisão aconteceu nesta tarde de sábado 8, no CT Petrônio Portela.

A partida apresentou dois momentos claros de gols: um com Victor Marx e outro com Pedro Ítalo. Ambos, porém, sem conclusão precisa. Um zero a zero terminou o confronto entre as duas equipes. Afinal, Parnahyba e Terrão sempre proporcionam grandes jogos e, via de regra, acontece um empate, tamanho equilíbrio e rivalidade entre as duas forças do futebol parnaibano. A final, em seu tempo normal,  acabara mesmo em 0 a 0!

Após o apito final, as penalidades foram realizadas. Lucas, Léo Santos, Victor Marx e Rodrigo marcaram para o azulino do Litoral.

Final muito acirrada, no CT

Léo Carneiro também foi escalado para as cobranças, mas Ítalo, o arqueiro azulino, após duas defesas espetaculares, não deu oportunidade para a cobrança de Léo, fechando a contagem das cobranças: Parnahyba 4, Terrão 2.

Parnahyba 0x0 Terrão

Jucélio Lira, treinador azulino, não gostou da apresentação da equipe e afirmou que o grupo poderia render muito mais, sobretudo na segunda etapa do embate.

Léo Santos, Capitão azulino na final

A equipe entrou em campo e conquistou o título com Ítalo 1, Márcio 15 (depois Léo Ribeiro, 2), Cezar 13 (Pedro Renan 3), Maurício 4, Matheus Reis 5 (Léo Carneiro 18), Rodrigo 6, Lucas Silva 7, Emanuel 8, Dodô 16 (Pedro Ítalo 9), Léo Santos 10 e Victor Marx 11.

Parnahyba Sub 17 Campeão da 1ª Copa de Futebol Sub-17 2012

Na suplência, Igor com a 12, Thiago, com 14; Wender, com a 17 e Nalber, com a 19.

Galera azulina comemorando a conquista!

A baixa do clube azulino foi a contusão de Matheus Reis. O jogador acabou deixando o gramado com o tornozelo contundido, uma contusão que já havia sido tratada. Agora, o jogador passará por novo processo de recuperação.

Sem nenhum amistoso agendado, a partir de então, a equipe continuará treinando no CT Petrônio Portela.

1 comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: