Renneé entrevistando Paulo Moroni. (Foto de Kairo Amaral/Acesso343)

Renneé entrevistando Paulo Moroni. (Foto de Kairo Amaral/Acesso343)

Por Renneé Fontenele

21.02.2013

Parnaíba (PI). A partir deste momento, estimados amigos leitores, deixo de atualizar esta página. Foram oitocentas e uma matérias (e duas, com esta), seiscentos e setenta e um comentários e duzentos mil trezentos e oitenta e seis acessos em quase três anos de dedicação.

Tenho me esforçado em manter a imparcialidade, muito embora a emoção, vez por outra, tenha ‘exigido’ seu espaço, esperando agradar o leitor através de um trabalho sério e fruto de minha lavra – não realizando cópias, como há uma ‘corrente’ hoje.

Deixo de postar aqui, página cujo trabalho me levou à Assessoria de Imprensa do Parnahyba Sport Club e pela qual sou sobremodo conhecido na região e outros lugares do estado.

Pelo intenso trabalho, várias páginas (minhas e outros sites para os quais colaboro), e por novos projetos, estou reduzindo minha participação e, portanto, meu trabalho neste espaço virtual.

Mas não irei parar com minhas publicações. Além de sites e outros blogs, o amigo leitor poderá me encontrar, diariamente, na horadodrible.blogspot.com.br/, minha página pessoal esportiva.

HD  2013

Chegou até aqui, então acesse, prezado leitor, a horadodrible.blogspot.com.br/. O meu abraço e minha profunda gratidão!

Zagueiro Erivaldo de volta ao Tubarão. (Renneé Fontenele)

Zagueiro Erivaldo de volta ao Tubarão. (Renneé Fontenele)

(Na expectativa de conseguir mais um título pelo Tubarão do Litoral, Erivaldo fortalecerá o setor defensivo, tão mencionado por Paulo Moroni)

Por Renneé Fontenele

Teresina (PI). O clube azulino não para de contratar. Visando conquistar novamente o título estadual, e muito próximo de fechar com mais dois nomes do futebol sulino, a Diretoria anunciou mais um reforço. Campeão também em 2012, o beque Erivaldo está incluído no elenco centenário.

Erivaldo estava jogando no Sport Clube Atalaia e estará de volta ao litoral muito em breve, a fim de defender as cores do Parnahyba Sport Club, o que, para a Diretoria, é de grande importância, vez que o setor necessitava de mais um atleta com a qualidade do beque Erivaldo.

O elenco azulino voltará aos treinamentos na segunda-feira (11), no CT Petrônio Portela.

Assessoria de Imprensa do PSC

Edson Porto no LM. (Ramiro Pena/GE)

Edson Porto no Lindolfo Monteiro. (Ramiro Pena/GE)

(Um tiro e duas quedas: em momento ‘mais do que oportuno’, Galo vence Leão do Marataoan, dividindo a liderança da competição e espantando possível crise)

Por Renneé Fontenele

Parnaíba (PI). Era o jogo da reabilitação tricolor. O Galo necessitava vencer, a fim de ‘espantar’ o que poderia iniciar uma crise. A equipe tricolor recebeu o Leão do Marataoan nesta noite de segunda-feira (4), no estádio Lindolfo Monteiro e, empurrado pela massa tricolor, conseguiu a primeira vitória no certame.

Com treinador novo, o ‘Eterno Campeão’ se impôs em campo logo no princípio do confronto. Jardel, aos 10 minutos, manda para as redes do Leão a primeira bola do jogo, abrindo o marcador no LM. O segundo gol do embate aconteceu somente na etapa complementar, com o craque Pantico, aos 36 minutos, estabelecendo 2 a 0 Galo Carijó.

Fato é que a vitória veio em momento oportuno, pela segunda rodada da competição. Com 4 pontos na tabela de classificação, o tricolor, agora, divide a liderança com o Tubarão do Litoral, que venceu o Cori na tarde deste domingo (3) no Piscinão.

O duelo, na capital piauiense, teve o comando central de Rogério de Oliveira Braga. A próxima partida do River será em Piripiri, quando enfrentará o 4 de Julho na Arena Colorada, dia 7, às 20h, pela terceira rodada do Campeonato Piauiense Chevrolet 2013 de Futebol.

Substituído, Luciano deixa o gramado na segunda etapa. (Foto: Renneé Fontenele/Hora do Drible)

Substituído, Luciano deixa o gramado na segunda etapa. (Foto: Renneé Fontenele/Hora do Drible)

(Por muito pouco o placar não marcou 3 a 0 Tubarão, mas os dois gols válidos mostraram o conjunto que ainda está se fortalecendo dentro das quatro linhas)

Por Renneé Fontenele

Parnaíba (PI). Quando Paulo Moroni afirmava, durante a semana passada, que Zé Rodrigues no ataque e Gilmar Baiano na defensiva, juntando-se ao elenco atual, fariam grande diferença, ele não estava errado. Apenas, não esperava que Gilmar Baiano praticamente ‘roubasse a cena’.

Apoiado pela torcida presente, a equipe azulina, logo aos dois minutos, partiu para o ataque, com o ala esquerdo Rian, mandando tiro certeiro para a meta alvinegra, mas a bola acabou encontrando o travessão de Baby. Rian, aliás, muito trabalhou em campo, partindo de suas jogadas diversas articulações.

Fabinho estava muito marcado. (F. Renneé Fontenele/HD)

Fabinho estava muito marcado. (F. Renneé Fontenele/HD)

Aos 12, novamente Rian e Fabinho, em jogada rápida, sofrem falta. Na sequência do lance, Zé Rodrigues quase marcava, fechando de carrinho, na marca penal, após cruzamento de Rian.

Aos 35, em jogada pela direita com Diego Capela, a bola é invertida para Rian que alça na área para a tentativa de Zé Rodrigues. O centroavante, porém, não chega a tempo.

A partida começou a ficar tensa, de modo que Barata, após sofrer várias faltas por um mesmo atleta alvinegro, comete falta e é advertido com cartão amarelo. Os cartões, inclusive, foram bastante distribuídos aos jogadores azulinos: Barata, Marcos Gasolina, Totonho, Idelvando e Gilmar Baiano.

Andrey substituiu Baby. (F. Renneé Fontenele/HD)

Andrey substituiu Baby. (F. Renneé Fontenele/HD)

Embora muito equilibrado, o primeiro tempo não conheceu o balançar das redes do Piscinão.

Moroni, então, volta para a etapa seguinte com a mesma formação, mas o ‘espírito’ da equipe era outro.

Aos 19 minutos, depois de levantamento feito na área por Barata, Gilmar Baiano, na raça, manda para as redes alvinegras, fazendo 1 a 0 Tubarão, para o delírio azulino no Piscinão.

O jogo passou a ficar muito disputado. Em jogada que seria o segundo gol azulino (a bola, inclusive, chegou às redes), gerou uma confusão e expulsão do zagueiro Gilmar Baiano e do goleiro Baby, do Cori-Sabbá, aos 24 minutos. Fora das quatro linhas, Baby, e outros jogadores do Cori, ainda seriam envolvidos com outra discussão, desta feita com o Supervisor do Tubarão, Julio Cesar, próximos aos vestiários.

Mas a bola rolou, com Andrey ‘substituindo’ Baby, pelo lado alvinegro, e Paulo Moroni queimando as três substituições, colocando em campo Ivan, Idelvando e Everton, retirando Barata, Luciano e Capela.

Rian, aos 32, volta a explorar o setor, avançando e batendo cruzado para o gol de Andrey, mas sem muito perigo.

Formação azulina para o confronto. (Foto: Renneé Fontenele/Hora do Drible)

Formação azulina para o confronto. (Foto: Renneé Fontenele/Hora do Drible)

Já aos 44, a partida parecia terminar sem o gol de Zé Rodrigues, parecia… Após jogada de técnica e de muita raça de Idelvando, pela esquerda, entre dois beques alvinegros, Zé Rodrigues cabeceia para o gol de Andrey, balançando as redes do Cori, numa jogada de técnica do centroavante azulino. Era o gol que faltava na partida: 2 a 0 Tubarão e muita vibração da torcida azulina que, mesmo sem lotar o Piscinão, esteve presente, apoiando o clube desde o início até o final do confronto.

Formação do Cori-Sabbá. (Foto: Renneé Fontenele/Hora do Drible.blogspot.com)

Formação do Cori-Sabbá. (Foto: Renneé Fontenele/Hora do Drible.blogspot.com)

709 pagantes, apenas, gerando uma renda de 7.257.50 reais. O embate terminou aos 50 minutos. O Parnahyba entrou e venceu com Rodrigues, Barata, Eridon, Marcos Gasolina, Gilmar Baiano, Rian, Luciano, Totonho, Zé Rodrigues, Capela e Fabinho.

A partida teve arbitragem central de  Antônio Santos Nunes, auxiliado por Edmilson Timóteo da Silva e Antônio Sérgio de Sousa Araújo, sendo válida pelo primeiro turno do estadual, equivalente à Taça Estado do Piauí. O próximo confronto do Tubarão será na quarta-feira próxima (6), contra o Flamengo, no Lindolfo Monteiro, às 20h.

Assessoria de Imprensa do PSC

Rafael marcou dois contra 4 de Julho. (F. Israel Araujo)

Rafael marcou dois contra 4 de Julho. (F. Israel Araujo)

(Com dois gols na partida, Rafael Freitas manda para as redes coloradas, e promete briga acirrada na artilharia do campeonato piauiense)

Por Renneé Fontenele

Parnaíba (PI). A Sociedade Esportiva de Picos fez sua estreia em casa nesta noite de sábado (2). Jogando com o apoio de sua fiel torcida, a equipe auriverde do Sul piauiense bateu a forte equipe de Piripiri. Os gols, porém, saíram apenas na segunda etapa do confronto.

Depois da ‘festa’ realizada por Rodolfo Potiguar dentro da área colorada, Rafael Freitas, aos 2 minutos da segunda etapa, bate cruzado para abrir o placar no Gigante da Malva: 1 a 0 SEP. Delírio auriverde no estádio Helvídio Nunes.

Aos 26, o Zangão faz o segundo gol com Rafael Freitas, novamente, depois de Frota roubar bola da defensiva colorada, ampliando o placar no Gigante da Malva: 2 a 0 SEP.

A equipe do 4 de Julho ainda descontou, mas Leonardo Marques, árbitro da partida, marcou impedimento do ataque colorado. Final de jogo e vitória auriverde, com bela atuação de Rodolfo Potiguar e Rafael Freitas, no ataque da equipe.

A Sociedade Esportiva de Picos soma seus primeiros três pontos e terá seu terceiro compromisso dia 7, contra o Leão do Marataoan, no Jucão.

Direto de Futebol, Batista Catanduvas. (Foto: Renneé Fontenele/PA/HD/FP)

Direto de Futebol, Batista Catanduvas. (Foto: Renneé Fontenele/PA/HD/FP)

(“Qual o valor do Campeão Piauiense, se o campeão da Copa Piauí foi o beneficiado na Copa do Brasil?”, indagou Batista Catanduvas)

Por Renneé Fontenele

Parnaíba (PI). A divulgação dos adversários dos clubes piauienses na Copa do Brasil deste ano causou, em Parnahyba, uma inquietude tamanha.  Muitos torcedores, inclusive, estiveram no CT Petrônio Portela manifestando revolta com a citada publicação: torcida azulina esperava adversário da primeira divisão – o Santos, por exemplo.

Conforme o chaveamento da competição, o Flamengo jogará contra o Santos e o Parnahyba pegará o ABC de Natal. Os torcedores e todos os dirigentes do clube azulino indagaram o motivo pelo qual o Flamengo enfrentará o Santos e não o Parnahyba, uma vez que o clube azulino irá comemorar seu centenário e é o atual campeão piauiense, motivos, portanto, suficientes para a Federação de Futebol do Piauí agir à luz do bom senso, contribuindo nesse sentido.

Secretário Geral, Miguel Bezerra. (Foto: Renneé Fontenele/PA/HD/FP)

Secretário Geral do Conselho Deliberativo, Miguel Bezerra. (Foto: Renneé Fontenele/PA/HD/FP)

Secretário Geral do Conselho Deliberativo, Dr. Miguel Bezerra mencionou vários aspectos que poderiam ser levados em conta pela Federação de Futebol do Piauí, mostrando-se indignado com a FFP. “A Federação de Futebol do Piauí ‘colocou’ um clube intermediário para enfrentar o Parnahyba… O Parnahyba é o atual campeão e ainda é o clube centenário do estado. A Federação ‘não vai’ com o Parnahyba”, justificou Miguel Bezerra, em meio aos torcedores presentes no CT, nesta tarde de quinta-feira (31).

Em sua página pessoal na web, o Secretário se mostra ainda mais revoltado: ‘Indignado… revoltado…com essa Federação de Futebol do Piauí. Canalhas, hipócritas, não levaram em consideração o centenário do Parnahyba, preferindo o acordo espúrio, o toma lá da cá, a prática nefasta para beneficiar times da capital. Resta uma saída: a união dos clubes do interior. E não me venham dizer que foi pura sorte o Flamengo pegar o Santos de Neymar e o Parnahyba ter o azar de pegar o ABC de Natal na Copa do Brasil,’ ressaltou Miguel Bezerra.

Página do Secretário Geral na web. (reprodução do Facebook)

Página do Secretário Geral na web. (reprodução do Facebook)

Bastante chateado com o chaveamento, Batista Catanduvas também falou a respeito. “O 4 de Julho jogou com clube grande, o Comercial, a Sociedade Esportiva de Picos, o Cori-Sabbá, o River, o Flamengo, apenas o Parnahyba que nunca enfrentou uma equipe grande na Copa do Brasil. A Federação beneficiou o Flamengo e não respeitou o Parnahyba. O Parnahyba teria que jogar com uma equipe grande, a fim de fazer caixa, até porque está necessitando”, apontou o Diretor de Futebol azulino.

Clube mais tradicional do futebol piauiense, primeiro clube e primeiro campeão, com onze títulos estaduais e dono de uma torcida invejável, o Parnahyba fará cem anos de muitas glórias no dia primeiro de maio deste ano, e estreará diante sua torcida, pelo campeonato piauiense desta temporada, dia 3 de fevereiro próximo, contra o Cori-Sabbá, às 16h, no estádio Piscinão.

Assessoria de Imprensa do PSC

Acesse também: http://horadodrible.blogspot.com.br/

Treinador Jucélio Lira. (Foto: Renneé Fontenele/PA/HD/FP)

Treinador Jucélio Lira. (Foto: Renneé Fontenele/PA/HD/FP)

(Parnahyba permanece trabalhando forte as categorias de base, a fim de conquistar o tão sonhado estadual e representar o estado na Copa São Paulo de Futebol Júnior)

Por Renneé Fontenele

Parnaíba (PI). As categorias de base do Parnahyba Sport Club voltaram a movimentar o CT Petrônio Portela. Com ‘espírito’ aguerrido e bastante positivo, treinador Jucélio Lira acredita na classificação de, no mínimo, uma das categorias que disputarão o certame deste ano, sobretudo a sub 20, por maior entrosamento em campo.

Com muitos atletas ainda em desenvolvimento, as categorias do clube azulino retornaram para este ano com força máxima, mas ainda há alguns problemas que deverão ser resolvidos.

Andre Fellype. (Foto: Renneé Fontenele/PA/HD/FP)

Andre Fellype. (Foto: Renneé Fontenele/PA/HD/FP)

A boa da vez consiste no retorno do artilheiro da equipe no ano passado. Geovane está de volta aos gramados, após passar mais de dois meses sem jogar. Nesse período, estava entregue ao Departamento Médico do Clube, problema cuja solução chegou em momento adequado. “Ainda sinto o joelho, mas não atrapalha o desenvolvimento em campo”, mencionou o goleador do Tubarão nos anos de 2011 e 2012.

Jucélio Lira, em conversa oportuna no CT, reafirmou seu otimismo, mas espera não passar pelos obstáculos que atrapalharam o rendimento da equipe Sub 18, ano passado: “ a gente tem a consciência da importância e da dificuldade do campeonato estadual sub 17 e sub 20, um campeonato com várias equipes fortes, mas a gente vai disputar para chegar ao título”, concluiu o treinador.

Sobre a expectativa da atuação azulina em se tratando de viagens e horários, Jucélio Lira se mostrou muito firme e não negou uma preocupação acerca do assunto. “A gente espera não passar pelos mesmos problemas dos anos anteriores, porque implicaram diretamente no rendimento da equipe em campo. Sem eles, nós teremos plenas condições de chegar a disputar as finais da competição”, finalizou Jucélio.

As categorias, mesmo com o período específico dos testes já encerrado, continuam recebendo atletas para os testes devidos. Desde a semana passada, alguns jogadores são observados pela Comissão Técnica, como é o caso de Andre Fellype, oriundo de Buriti dos Lopes, almejando uma vaga no elenco desta temporada.

Os trabalhos continuam de segunda a sexta-feira, divididos por categorias, sob comando técnico de Jucélio Lira e Filho.

Assessoria de Imprensa do PSC